A Campanha Papel por Alimentos avança!




EB Elias Garcia




EB Miquelina Pombo

     Os colaboradores do Eco-Escolas já começaram a distribuir pelas salas uma caixa de recolha de papel para a campanha Papel por Alimentos. Agradecemos desde já à Amarsul pela cedência dos ecopontos domésticos que adaptámos para esta atividade. Esperamos que nos continuem a ajudar, pois precisamos ainda de mais ecopontos. O objetivo é munir todas as salas e espaços escolares com uma caixa de recolha e assim dar mais visibilidade/continuidade a esta nobre campanha solidária e ecológica iniciada nos anos anteriores. Em algumas salas onde já existia caixa de recolha de papel foram apenas colocados os panfletos identificativos da Campanha.

    Uma vez que ainda não há ecopontos suficientes para todas as salas, as primeiras a serem contempladas foram escolhidas pelos prestáveis ajudantes que hoje tivémos, aos quais deixamos o nosso agradecimento pela preciosa ajuda na montagem e distribuição das caixas: Janete e Lucas, 5º B; Beatriz Contente, 6º C; Diana 6º D; Eduardo e Frederico, 9ºC

     Como chega o papel que nós recolhemos até ao Banco Alimentar e como se “transforma” em Alimentos?

      Para que esta Campanha decorra com sucesso, são necessários três intermediários:

      - Embaixadores do Ambiente: Na última semana de cada mês, em Cidadania, recolhem o papel das salas (será oportunamente divulgado o mapa de recolha salas/ turmas) e entregam-no às funcionárias responsáveis (D. Dina ou D. Cândida).

      - Técnicas de ação aducativa (D. Dina ou D. Cândida na EB Elias Garcia e Ana Tavares e Sandra Graça na EB Miquelina Pombo): guardam o papel recolhido na sala de arrumos ou no átrio  e entregam-no ao representante do Centro Paroquial

      - Centro Paroquial da Sobreda: na primeira 4ª feira de cada mês, o Centro Paroquial da Sobreda dirige-se à escola para levantar o papel e entregar ao Banco Alimentar contra a Fome, que por sua vez o entrega à empresa QUIMA e recebe desta, por cada tonelada de papel entregue, 100€ em alimentos.

      Claro que, a todos nós cabe a tarefa mais importante de todas: Fazermos a correta colocação do papel nas devidas caixas, respeitando sempre a não colocação de outros materiais (especialmente embalagens ou alimentos).

Cumprimentos, a equipa Eco-Escolas

As professoras Marina Frias e Cristina Nascimento (EB Elias Garcia)
Isabel Matos e Isabel Caetano (EB Miquelina Pombo)

Comentários